Principal / Uncategorized / “Eles Vivem”, um Filme Estranho com uma Mensagem Poderosa

“Eles Vivem”, um Filme Estranho com uma Mensagem Poderosa

“Eles Vivem” é um filme de ficção científica dos anos oitenta que mostra
alienígenas, um lutador da WWF e um lote inteiro de óculos de sol. O
que não existe aí pra não se gostar? Embora, à primeira vista, o filme
parecer ser um monte de bobagens, “Eles Vivem” realmente transmite uma
mensagem poderosa sobre a elite e sua utilização dos meios de
comunicação para controlar as massas. Será que o filme descreve o que
chamamos de Illuminati? Este artigo analisa o significado mais profundo o
filme estranho, mas fascinante de John Carpenter, “Eles Vivem”.

Assistir a “Eles Vivem” é uma experiência conflitante. É uma estranha
combinação de mensagens que abrem os olhos com atuação medíocre,
comentário social poderoso com efeitos especiais dos anos 50 e sátira
emocionante com piadinhas estranhas. Constantemente fazendo os
espectadores oscilarem entre “Uau, isso foi genial!” para “Uau, isso foi
ridículo!”. É difícil avaliar corretamente o filme de um ponto de vista
cinematográfico. No entanto, a partir de um ponto de vista da
“mensagem”, “Eles Vivem” ganha medalha de ouro. Baseado no conto de Ray
Nelson, Eight O’Clock in the Morning, o filme é uma daquelas
histórias raras subversivas que obriga os espectadores a questionar o
seu mundo e seus arredores. Porque, apesar do fato de o filme ser sobre
alienígenas macabros, ele comunica verdades para os telespectadores que
no cinema mainstream são apenas aludidas. Na verdade, olhando
mais profundamente na história, pode-se perceber que há provavelmente
mais “ciência” do que “ficção” na história de “Eles Vivem”…
especialmente quando se tem “óculos de sol” que fazem enxergar a
verdade.

O herói do filme, interpretado pelo lutador de WWF, Roddy Rowdy Pipper, é
um andarilho que, aparentemente, não tem nome. Na história e nos
créditos do filme, ele é conhecido como “Nada”, que significa realmente
“nada” em algumas línguas. Enquanto esse “nada sem nome” está sem grana e
sem casa, ele ainda consegue expor o domínio escondido dos alienígenas
no mundo. Como ele consegue isso? Com a única coisa que ele precisa: a
Verdade. Ah, e também armas. Ele usou um monte de armas. O mais
importante, apesar do fato de Nada ser tentado várias vezes mandado
calar a boca em troca de “compensação generosa”, ele manteve sua
integridade e nunca concordou em se vender para os alienígenas. Agora,
ele é um exemplo. Para terminar, ele diz as melhores coisas de todos os
tempos.

“Eu estou aqui para chutar o traseiro e mastigar chiclete … e eu estou sem chiclete”.

São os alienígenas do filme uma forma imaginativa de retratar a elite
mundial, aqueles que, secretamente, controlam o mundo, aqueles que
chamamos de os Illuminati? Vamos revisitar esse clássico e ver como ele
descreve o domínio escondido da elite.

A Premissa

Desde o início, enquanto vemos Nada andando por Los Angeles com sua
mochila, o filme define algo particular: algo não está certo. Enquanto
Nada parece ser um tipo de cara carismático, a cidade não está feliz, o
que não é muito bom para esse tipo de gente. Muito pelo contrário, há
uma sensação de morte iminente no ar: a pobreza é galopante,
helicópteros voam ao redor da cidade e pregadores de rua falam de seres
sem alma que regem o mundo.

“O veneno das cobras está nos seus lábios. Suas bocas estão cheias de
amargura e maldições. E em seus caminhos, nada mais do que ruína e
miséria. E o temor a Deus não está diante de seus olhos! Eles tomaram os
corações e mentes de nossos líderes. Eles recrutaram os ricos e
poderosos, e eles têm nos cegado para a verdade! E o nosso espírito
humano está corrompido. Por que adoramos a ganância? Porque fora do
limite da nossa visão, alimentando-se de nós, em cima de nós, desde o
nascimento até a morte estão os nossos donos, nossos proprietários –
eles
nos têm. Eles nos controlam. Eles são nossos mestres. Acordem, estão todos sobre você, tudo ao seu redor!”

A descrição que o pregador fez dos “mestres” é aplicável ​​aos Illuminati? Acredito que sim.

À medida que seguimos ao rumo sem destino de Nada pela cidade, a câmera
muitas vezes se concentra em pessoas que olham fixamente para as telas
de televisão, absorvendo sem pensar as mensagens insípidas que se
comunicam. Alguns parecem realmente desfrutar de programas de
televisão… até que uma organização obscura hackeia as ondas de rádio
para transmitir mensagens subversivas sobre os governantes ocultos do
mundo.

“Nossos impulsos estão sendo redirecionados. Estamos vivendo em um
estado artificialmente induzido de consciência que se assemelha ao sono.
(…) Os pobres e a classe baixa estão crescendo. Justiça racial e
direitos humanos são inexistentes. Eles criaram uma sociedade
repressiva, e somos seus cúmplices involuntários. Sua intenção de
governar reside com a aniquilação da consciência. Nós fomos levados a um
transe. Fizeram-nos indiferentes a nós mesmos, aos outros. Estamos
focados apenas em nosso próprio benefício. Por favor, entenda. Eles
estão seguros, desde que eles não sejam descobertos. Esse é o seu
principal método de sobrevivência. Manter-nos dormindo, manter-nos
egoístas, manter-nos sedados. “

A declaração acima pode ser aplicada para os Illuminati? Acredito que sim.

As pessoas comuns que assistem essa transmissão de TV pirata todos têm
uma enorme dor de cabeça – a verdade nua e crua é realmente demais para a
maioria das pessoas suportar. Esse espectador muda de canal depois de
dizer ao cara na TV: “Vai tomar….”. Assim como hoje, a maioria das
pessoas não querem ouvir falar sobre esse tipo de coisa … eles só
querem voltar para a sua visualização de TV sem sentido.

Nada percebe que o pregador de rua e o homem na televisão são conectados
através de uma igreja local. Quando ele se esgueira para dentro da
igreja, descobre que na verdade é a sede de uma organização clandestina.

Em uma parede no interior da igreja está escrito “They Live We
Sleep”(Eles Vivem, Nós Dormimos), uma frase que descreve a diferença
fundamental entre a elite e as massas. Aqueles no poder sabe a verdade
sobre o mundo e possui os meios e o poder para realmente “viver”. O
resto da população está sedada, emburrecida e manipulada em uma estado
de zumbi a fim de  que ela seja tão facilmente manipulada pelos mestres.
A ignorância das massas é igual a um estado de sono sem fim.

Nada descobre que a organização rebelde está tentando recrutar pessoas
para derrubar os governantes. No entanto, alguns dias mais tarde, ele
descobre o que acontece com aqueles que maquinam contra quem está no
poder.

Helicópteros, escavadeiras e policiais em ataque cercam o lugar, destroem tudo e 
violentamente prendem os membros da organização clandestina. É assim que a elite 
responde a pontos de vista contrários.

Depois de testemunhar o ataque da polícia violenta, Nada começa a
perceber que algo está errado na América. O cara carismático que
acreditava em trabalhar duro e seguir as regras está começando a
acreditar que algo está errado aqui.

Determinado a aprender mais, Nada re-entra na igreja e encontra algumas coisas interessantes.

A polícia pintou por cima da frase “They Live We Sleep”. 
Obviamente, “eles” não querem que a mensagem seja conhecida.

Mais importante, Nada descobre uma caixa cheia de óculos de sol que
permitem-no ver o mundo como ele é. Bônus adicional: eles também parecem
muito legal.
 

Vendo a Verdade

Enquanto os óculos encontrados por Nada parecem ser inúteis, eles
oferecem-lhe o maior presente de todos: a verdade. Quando Nada coloca os
óculos de sol, a experiência é chocante.

Quando ele põe seus óculos de sol, Nada enxerga com clareza a publicidade da mídia 

de massa. Ele só vê o núcleo das mensagens e a única razão pela qual elas existem.

Não importa a revista que Nada abre, ele vê as mesmas mensagens subliminares, que diz 

muito sobre a verdadeira função das revistas de “celebridade” e “forma”. Apesar do fato 

de que elas sejam todas diferentes, todas elas  em última análise servem ao mesmo propósito: 

reforçar as mensagens da elite para as massas.

Nada também rapidamente compreende a verdade sobre o dinheiro.
 

“Em Deus nós confiamos”? (Como na nota de um dólar)

A descoberta mais chocante de Nada diz respeito as pessoas ao seu redor.

Algumas pessoas não são humanas. Elas são de outra raça, que se infiltrou na sociedade.

Nada percebe que eles estão em toda parte e que detêm posições de poder, como este político 
dando um típico discurso “político” na televisão. Será esta uma forma de retratar os Illuminati?

Ao descobrir essa verdade, Nada ficou chateado. Realmente chateado. Como
ele reagiu à situação? Ele não foi para casa e escreveu um poema sobre
isso. Não, ele pegou uma espingarda e começou a atirar nos alienígenas.

Quando os alienígenas percebem que Nada pode ver seu disfarce, eles
imediatamente alertam as autoridades dizendo “eu vi um que pode ver”.
Ser capaz de “ver” é, obviamente, desaprovado pelos alienígenas – eles
não gostam de ser expostos. Nada rapidamente se torna um pária social e
alienígenas começam a fechar o cerco sobre ele. Confrontado com esta
situação, Nada diz palavras profundas e intemporais: “Eu não gosto nem
um pouco disso”.

Muitos alienígenas fazem parte da força policial como seu único
propósito é assegurar que a regra do alienígena não seja perturbado. A
maioria dos policiais são, porém, os seres humanos regulares e basta
seguir as ordens porque é seu trabalho … um pouco como os policiais
reais que fazem o trabalho dos Illuminati.

Nada e todos na cidade são constantemente monitorados por câmeras de
vigilância voadoras que são estranhamente similares aos novos veículos
aéreos não tripulados que estão aparecendo ao redor do mundo.

Câmeras de vigilância de vôo foram consideradas ficção científica em 1988. Elas são realidade hoje.

Um real veículo aéreo não tripulado moderno equipado com uma câmera de vídeo.

O conceito de óculos de sol que fazem enxergar a verdade é uma maneira
interessante para ilustrar a importância do conhecimento na nossa
percepção de mundo. Duas pessoas podem olhar para a mesma coisa e ainda
perceber duas realidades muito diferentes, dependendo do nível de
informação e consciência possuídas por cada pessoa. Os óculos de sol de
Nada podem, portanto, representar o conhecimento de alguém sobre a
verdade, que é aquilo que permite uma percepção clara da realidade.
 

Olhando para os outros que conhecem a verdade

Ao saber a verdade chocante sobre o mundo, Nada sente a necessidade de
partilhar esta informação vital com o seu amigo Frank Armitage. Nada, no
entanto, rapidamente percebe que algumas pessoas não querem ouvir sobre
isso. De fato, muitos realmente ficam com raiva e ofendidos com a
simples menção de algo que faça alusão a isso. Quando Nada pede a Frank
para colocar os óculos escuros para que ele possa ver o que ele vê,
Frank se recusa e chama-o de “paranóico…”. Nada responde com outra
frase clássica “Ou você coloca esses óculos de sol ou comece a comer
aquela lata de lixo”.

Em seguida, segue-se uma das maiores cenas de luta livre que eu já vi
(oito minutos de socos e chutes), uma cena que é exposta por tanto tempo
que se torna completamente absurda e até mesmo cômica. Enquanto a cena
talvez pareça ridícula, ela diz algo sobre a dificuldade de se fazer 
pessoas comuns acordar de sua feliz ignorância.

Frank finalmente vê a verdade. Tudo o que Nada fez foi força-lo a colocar os óculos 

de sol em seu rosto forçando-o a olhar ao redor. Sim, convencer outras pessoas da 

verdade pode ser uma tarefa difícil.

É preciso um grande esforço por parte de Nada, mas Frank finalmente vê
os alienígenas que controlam o mundo. Os dois amigos são então
convidados para uma reunião secreta da organização clandestina que está
tentando livrar a Terra dos alienígenas.

Durante a reunião, Nada e Frank são dados lentes de contato da verdade. Os óculos de 

sol da verdade deu a eles uma dor de cabeça horrível, especialmente quando eles eram retirados. 

Quando primeiro em contato com a verdade, a adaptação à nova realidade pode ser realmente 

difícil, e até mesmo dolorosa. No entanto, depois de um tempo, torna-se uma parte perfeita da

 pessoa. Um pouco como o uso de lentes de contato.

Durante a reunião, Nada e Frank aprendem que os seres humanos estão
sendo recrutados pelos alienígenas em troca de riqueza e poder. Como o
líder da organização clandestina diz: “A maioria de nós apenas nos
vendemos imediatamente”. É bastante fácil fazer uma correlação entre o
filme,  políticos e celebridades reais que já vimos em artigos anteriores neste site que prontamente se vendem para os Illuminati em troca de riqueza, poder e celebridade.

A reunião não durou muito tempo, quando a polícia chega ao lugar e
começa a atirar em todos lá. Eles são denominados uma “organização
terrorista” pela elite. Nada e Frank conseguem escapar e,
acidentalmente,  encontram-se atrás das linhas inimigas, na base
subterrânea alienígena.

 Atrás das Linhas Inimigas

Enquanto exploram a base dos alienígenas no subsolo, Nada e Frank se
deparam com uma festa dada pelos alienígenas para colaboradores humanos
para lhes agradecer a sua “parceria”. Embora os seres humanos nunca
serão considerados iguais aos alienígenas, aqueles que se vendem a eles
obtém benefícios monetários … muito parecido com aqueles que não fazem
parte da elite de hoje que, no entanto, vendem-se para empurrar Agenda
da elite da Nova Ordem Mundial.

“Nossas projeções mostram que até o ano de 2025, não só a América, mas todo o planeta 

estará sob a proteção e o domínio desta aliança de poder. Os ganhos foram substanciais, 

tanto para nós e para você, a elite do poder humano”.

Frank e Nada então descobrem a origem dos sinais dos alienígenas de
lavagem cerebral: um estúdio de televisão. Os aliens usam a rede para
transmitir sinais hipnóticos e subliminares para os seres humanos,
cegando-os da verdade sobre seus governantes e o mundo. A mensagem que é
transmitida aqui: a mídia de massa é a ferramenta preferida da elite
para doutrinar as massas e mantê-las em servidão.

 A estação de TV ‘Cable 54’ é usada pelos alienígenas para 

hipnotizar os seres humanos. Isso é ficção científica? Nem.

Nada percebe que a única maneira de salvar a humanidade das garras dos
aliens é ir para o topo do edifício da estação de TV e derrubar o
emissor das mensagens subliminares, disfarçado como uma antena
parabólica. De fato, sem uma mídia de massa que a elite controla e
doutrina as massas, fica muito mais difícil. Então, Nada e Frank começam
a atirar até em direção ao teto, e não é uma tarefa fácil.

 O Agente de Desinformação

Enquanto esta senhora parecia ser boa no início, ela tentou enganar, enganar e até 

matar Nada durante sua busca. Ela acaba atirando em seu amigo Frank na cabeça.

Nada conheceu Holly Thomspon, um executivo da rede “Cable 54”, no início
de sua fúria selvagem. Enquanto Nada parecia estar um pouco apaixonado
por ela, ela sempre trouxe algum problema. Durante a reunião da
“organização terrorista”, Holly se infiltra no grupo, posando como um
simpatizante e afirmando que a “Cable 54” “estava limpa” e não era a
fonte do sinal dos alienígenas, que era falsa e enganosa. Hoje, a
desinformação é amplamente utilizada pela elite para confundir e enganar
aqueles que tentam descobrir a verdade sobre o mundo.

Durante a corrida de Nada para chegar ao topo do edifício da rede, Holly
aparece novamente, alegando que quer ajudá-lo. No entanto, ela está
simplesmente tentando matá-lo antes que a missão seja cumprida. Ela é,
portanto, um outro ser humano que se vendeu para os alienígenas usados
​​para acabar com seres humanos não corrompidos  que tentam libertar-se e
libertar os outros.

 Acabando com os Aliens

Aqui está o maior “estraga prazeres” de todos eles: Nada consegue
derrubar o transmissor dos alienígenas e salvar a humanidade. Esse
movimento heróico o deixa morto, quando um policial de dentro de um
helicóptero o atira para matar. Nada, portanto, se torna o herói por
excelência, sacrificando sua vida para o bem da humanidade – um mártir
para a liberdade humana de governantes sem alma.

Mesmo que tenha custado a vida, Nada visivelmente não se arrepende de 

expor os alienígenas para o mundo. Com a sua última força, Nada dá aos 

alienígenas um presente de despedida exclusivamente humano: o dedo.

Uma vez que o satélite dos alienígenas é derrubado, as massas são
capazes de ver o mundo como ele é: a cara feia dos alienígenas ficam
expostas para o mundo.

Telespectadores em todo o mundo agora percebem que as pessoas que 

davam as notícias do dia eram também aqueles que os controlavam.

 Conclusão

Apesar de “Eles Vivem” ser geralmente descrito como “um filme de ficção
científica que critica a cultura de consumo”, o alcance de sua mensagem,
na verdade vai muito além da usual palestra sobre “consumismo é ruim”.
“Eles Vivem” pode de fato ser interpretado como um tratado sobre o
condicionamento profundo e sistemático da experiência humana, para que
uma elite oculta secretamente controle, manipule e explore as massas. No
filme, os governantes são retratados como uma raça completamente
diferente, que enxerga o homem como inferior – algo que pode ser
facilmente correlacionado com as atitudes sobre as linhagens dos
Illuminati. A presença dessas mensagens fortes do filme é uma das razões
pela qual “Eles Vivem” virou uma espécie de clássico, apesar do fato de
que ele tenha sido muito criticado pelos críticos de cinema. À medida
que os anos passam, a mensagem do filme está se tornando cada vez mais
relevante … e assustadoramente realista.

Muitos daqueles que procuram a verdade sobre o mundo percebem que suas
rédeas são mantidas por uma elite não-eleita, que fica essencialmente
escondida dos olhos do público. Como o cartaz promocional do filme diz:
“Você os vê na rua. Você os vê na TV. Você pode até votar para um desses
nas próximas eleições. Você acha que eles são pessoas como você. Você
está errado. Absolutamente errado.” Trabalhando pelos  bastidores, essa
elite secreta trabalha constantemente para a criação de um sistema
global que sirva os seus interesses: a Nova Ordem Mundial, governada por
um governo mundial. Como um colaborador humano diz no filme para
justificar a sua venda: “Não há nenhum país mais. Não há mais caras
legais. Eles estão mandando em tudo. Eles são donos de tudo. O planeta
inteiro meu!” Para facilitar o trabalho dos governantes, as massas são
mantidas no escuro e estão distraídas com o  falso show de marionetes
que é a política e a programação do “pensamento não independente” que é
mídia de massa. Ignorância, apatia e indiferença são os melhores amigos
da elite.

Apesar de seus inexpressivos efeitos especiais e diálogos estranhos,
“Eles Vivem” consegue descrever os motivos da elite mundial e estratégia
de uma forma que pode ser entendida por todos. E isso não é tarefa
simples. No entanto, a fim de compreender plenamente a mensagem do
filme, é preciso estar usando os óculos de sol da verdade. Você colocou o
seu?

Fonte: VC

Comente com seu facebook

Comentário

Veja também

Sinais do fim: Rússia exibe ao mundo o Satan 2, seu novo míssil termonuclear

No meio de toda a recente tensão entre Estados Unidos e Rússia – com o …

Um comentários

  1. Como ngm comentou aqui? ;s
    Cara, sensacional a história desse filme, td a ver cm nossa sociedade atualmente. Vô ver se consigo baixar esse filme, apesar de ter sido contado aqui de forma fantástica, acho que vale a pena ver né ;D
    Acho engraçado como nos filmes antigos, Hollywood conseguiu prever certas tecnologias e principalmente acontecimentos atuais. Provavelmente um sinal claro que realmente possa ter "alguém" super bem informado sobre alguns planos da elite. Sddz do Tupac que batia de frente e foi outro que, a exemplo do Nada, morreu tentando abrir nossos olhos..
    Ainda bem que temos um Deus justo e glorioso que zela por nós que cremos nele e condena os gananciosos e imundos *-*

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *