Principal / Uncategorized / Toshiba cria robô para atuar em emergências nucleares e na recuperação de Fukushima

Toshiba cria robô para atuar em emergências nucleares e na recuperação de Fukushima

Toshiba cria robô para atuar em emergências nucleares e na recuperação de Fukushima 
                               (Fonte da imagem: Reprodução/DVICE)

    

O desastre nuclear de Fukushima foi um dos piores acontecimentos de 2011. Na ocasião, o Japão teve que enfrentar uma onda de destruição em algumas cidades, ao mesmo tempo em que precisava tomar todas as medidas possíveis para evitar uma tragédia ainda maior com os reatores da central nuclear — que foram seriamente danificados por um forte terremoto seguido de um tsunami.
Na época, o Japão ainda teve que recorrer aos Estados Unidos para conseguir alguns robôs capacitados a lidarem com desastres nucleares, utilizando-os no processo de estabilização da central. No entanto, para que o país não passe por tal situação novamente, a Toshiba acaba de revelar um robô japonês feito especificamente para atuar em emergências nucleares.
Segundo o site DVICE, o robô possui quatro pernas (o que permite que ele suba e desça escadas), pesa cerca de 65 quilos, é equipado com seis câmeras e um dispositivo para medir radiação. Ele poderá operar de forma independente por até duas horas, além de ser controlado remotamente, permitindo que os trabalhadores de emergência avaliem os danos nucleares a partir de uma distância segura.
Agora, a Toshiba espera que sua criação possa ajudar na total recuperação dos danos causados em Fukushima pelo terremoto e pelo tsunami que atingiram o Japão em março do ano passado.

Comente com seu facebook

Comentário

Veja também

Macron avisa que anunciará seu próprio plano de paz se Trump demorar

Emmanuel Macron e Donald Trump. (Foto: Getty Images) Se o presidente dos EUA, Donald Trump, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.