Principal / Uncategorized / “Bi-cha! Bi-cha! Bi-cha!”

“Bi-cha! Bi-cha! Bi-cha!”

Eu, que não acompanho muito o noticiário local e muito menos o esportivo, não estava a par disto aqui. Vcs já devem saber desta história, mas não pude deixar de trazê-la a esta humilde tribuna.
Quando eu era criança, nós moleques chamávamos muitas vezes uns aos outros de “bicha” e “veado”, sobretudo quando deixados por nossa própria conta, longe do olhar dos mestres — recreio, aula de educação física e tal. Dentuço, narigudo, orelhudo e todo o resto. Ninguém via nisto o fim do mundo. Quem inventasse de “contar tudo pro professor” teria sua morte social declarada pelos coleguinhas e seria chamado de mulherzinha ao menos pelo resto do ano escolar. Lembra da menininha dedo-duro e antipática Popis, do seriado do Chaves, aquela que dizia “Conta tudo pra sua mãe, Quico!“? Pois era esta a imagem que os dedo-duros chorões criavam para si se ficassem reclamando pros mais velhos das zoações que lhes fossem feitas.
Hoje o sujeito cresce e, mesmo sendo atleta profissional e trabalhando em um contexto esportivo, que é um ambiente muito masculino (embora pareça que este não é bem o caso do vôlei), ao ser chamado de “bicha” pelos torcedores do time adversário, ele processa em milhares de reais os “agressores”, como se isto fosse uma espécie de intimidação, ou melhor: “bullying”, a nova palavra esquerdista da moda. Foi o que fez o rapaz de olhar lânguido e cabelinho engraçado da foto acima, o jogador de vôlei Michel, da equipe paulista Vôlei Futuro, que foi malhado pela torcida do Sada Cruzeiro em uma partida pelo campeonato da Super Liga há algumas semanas e conseguiu, parece, arrancar 50 mil reais do clube adversário por crime de “homofobia” cometido contra sua pessoa — um delito que sequer está previsto na legislação brasileira.
Com a esquerdização e o efeminamento da sociedade em geral, o mundo vai virando cada vez mais uma espécie de grande escolinha, com adultos mais infantilizados ainda do que nós quando éramos crianças, todos choramingando pro Estado-“Tia” sobre o coleguinha ter chamado disto ou daquilo. Lembra daquela deputada baranga pelo PT do Rio de Janeiro, a gorducha Cida Diogo, que desabou em prantos no Congresso porque Clodovil a chamou de feia? (Note, no vídeo, que a mulher não consegue nem falar, ela simplesmente fica apontando, em meio a soluços convulsivos, para o deputado Clodovil. E as apresentadoras da história ainda lhe dão razão e instruem os telespectadores a processarem todos aqueles que lhes façam se sentir ofendidos de qualquer foma ou modo! ).
Vai, conta tudo pro seu advogado, Michel!
 
 
 
Espera-se, agora que o jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho também faça valer seus “direitos de cidadão”, processando o próximo que o chamar de dentuço e mandando o Google fechar o blogue ‘Dentuço Pilantra‘ (criado em sua homenagem) por crime de “Dentuçofobia”.

Comente com seu facebook

Comentário

Veja também

Sinais do fim: Rússia exibe ao mundo o Satan 2, seu novo míssil termonuclear

No meio de toda a recente tensão entre Estados Unidos e Rússia – com o …

3 Comentários

  1. Gostei do DENTUÇOFOBIAKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK… SEMPRE ME CHAMARAM DE BRANQUELA NA MINHA MOCIDADE. DEVO PROCESSAR ALGUÉM POR CRIME DE BRANQUELOFOBIA?KKKKKKKKKKKKKKKK. OU DEVO CHORAR PELO BULLYNG SOFRIDO?KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK.ALIÁS TEM CRIME DE BARATADESCASCADOFOBIA?KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  2. Pô, essa foto é da chiquinha, não da popis. LOL

  3. Se o nosso dignissimo richarlyson fosse no caminho desse cara,ficaria trilhonário processando a torcida do curintia , do framengo e do brasil todo(até a do tricolor) ora,ora,tem que ser muito macho e segurar a bronca.Se fossem os atletas ia pegar mal, mas a torcida não é profissional, supostamente paga ingresso e xinga todo mundo mesmo, eu tenho piedade mas torcedor não tem né?
    Que parada é esse de bullyng,homofobia e tal?
    essas coisas são invenções de agora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *