Principal / GUERRA / Guerras e rumores de guerras: Colômbia diz que apoiará Bolsonaro em uma invasão da Venezuela

Guerras e rumores de guerras: Colômbia diz que apoiará Bolsonaro em uma invasão da Venezuela

Um alto funcionário do governo colombiano de Ivan Duque disse que o país estará disposto a apoiar qualquer ação para derrubar a ditadura do venezuelano Nicolás Maduro. As informações são de fontes diplomáticas ouvidas pela Folha de São Paulo.

Ele afirmou que “Se [o presidente eleito] Jair Bolsonaro ajudar a derrubar Maduro com uma intervenção militar, terá o apoio da Colômbia”.

A Colômbia não teria assinado o documento do Grupo de Lima, que dizia “não” a uma intervenção militar. Segundo o funcionário, é porque Ivan Duque não descarta a possibilidade, mas não quer ser o primeiro a engajar-se nela.

“Se for Trump, ou Bolsonaro, o primeiro a colocar os pés na Venezuela para derrubar Maduro, Colômbia irá atrás sem vacilar”, afirmou o funcionário do governo Duque, que diz que é isso que pensa o presidente e seu padrinho político, Álvaro Uribe.

A mesma fonte disse que países como Chile e Argentina estariam conversando a nível consular sobre o assunto, mas que ainda são resistentes em apostar nessa opção.

No domingo (28), Nicolás Maduro parabenizou a população brasileira pela eleição presidencial. Porém, não estendeu felicitações a Bolsonaro. Mas pediu respeito.

O regime venezuelano ainda afirmou que pretende trabalhar com o povo brasileiro na luta por um mundo mais justo, multicêntrico e multipolar.

(Com informações de FolhaPress)

Comente com seu facebook

Comentário

Veja também

Em discurso desafiador, Putin anuncia míssil nuclear IMPOSSIVEL DE SER INTERCEPTADO

Jornalistas acompanham pronunciamento do presidente russo Vladimir Putin em um telão, em Moscou, Rússia… . …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.